Email


Sei que há muita gente que consulta este blogue e utiliza os materiais aqui publicados, mas poucos deixam comentários e eu gostava mesmo de saber a vossa opinião... :-)

sábado, 25 de fevereiro de 2012

Ficha de aferição da leitura de "Todos os nomes"


FICHA DE AFERIÇÃO DA LEITURA DE TODOS OS NOMES, DE JOSÉ SARAMAGO

(Rodeia a resposta certa para cada item)



1.    Na Conservatória Geral do registo Civil, o desleixo e o abandono no arquivo dos mortos deu origem a uma situação inusitada. Qual?

a.    Uma praga de baratas.

b.    Um investigador perdeu-se e ficou lá uma semana.

c.    Um curto-circuito no quadro elétrico.

d.    Uma inundação.



2.    O Sr. José, protagonista deste romance, tinha como passatempo

a.    colecionar notícias sobre portugueses que se tornaram famosos.

b.    pedir autógrafos a pessoas que apareciam na TV.

c.    organizar a loiça por cores.

d.    visitar museus dedicados à arqueologia.



3.    O Sr. José morava

a.    num apartamento, longe da Conservatória.

b.    numa moradia que ficava a dez minutos do seu emprego.

c.    com um irmão que também era solteirão.

d.    numa casa contígua à Conservatória.



4.    Um problema do Sr. José, que dificultava o seu trabalho na Conservatória,

a.    era a alergia ao pó.

b.    era a fraca visão.

c.    eram as vertigens.

d.    era o medo dos ratos que infestavam o arquivo dos mortos.



5.    Um dia, por acidente, o Sr. José retirou dos ficheiros o verbete de uma mulher

a.    já idosa, viúva.

b.    jovem, com cerca de vinte anos.

c.    de meia idade, casada duas vezes.

d.    nascida naquela cidade, divorciada.



6.    Ao visitar o prédio onde a mulher morara, o Sr. José trava conhecimento com uma senhora residente no rés-do-chão direito, que

a.    não tinha qualquer ligação à mulher desconhecida.

b.    tinha sido sua professora.

c.    era sua madrinha.

d.    era sua tia.



7.    Quando se mudou daquele prédio, a mulher tinha que idade?

a.    Seis meses.

b.    Cinco anos.

c.    Oito anos.

d.    Quinze anos.



8.    A família da mulher desconhecida mudou-se do prédio porque

a.    a menina sofria agressões na escola que frequentava.

b.    o pai tinha tido um acidente e ficara impossibilitado de trabalhar.

c.    os pais tinham emigrado.

d.    a senhora do rés-do-chão fora amante do pai da mulher do verbete.



9.    Por andar desmazelado no trabalho, o protagonista

a.    foi advertido oralmente e sofreu o desconto de um dia de trabalho no salário.

b.    foi suspenso um dia do trabalho e o salário correspondente descontado.

c.    foi castigado com a suspensão de dois dias de férias.

d.    sofreu uma advertência por escrito que foi comunicada aos outros funcionários da Conservatória.



10. A personagem central, para prosseguir com a sua investigação,

a.    foi à lista telefónica e telefonou aos pais da mulher do verbete.

b.    arrombou o colégio onde ela estudou.

c.    rondou a casa onde a mulher morava com o marido.

d.    foi ao seu local de emprego colocar algumas questões.



11.  O Sr. José apanhou uma gripe

a.    porque correu atrás do autocarro, transpirou e a roupa secou no seu corpo.

b.    devido à forte chuva que caiu.

c.    porque adormeceu destapado no sofá.

d.    porque era inverno e o sol estava muito forte.



12.  O enfermeiro que o visitava no seu domicílio, além de lhe tratar a gripe,

a.    dava-lhe as injeções de insulina.

b.    ajudava-o a fazer algum exercício.

c.    tratou-lhe um joelho ferido.

d.    tratou-lhe uma unha encravada.



13.  Ao regressar ao trabalho, depois de uns dias de férias, a personagem central apercebeu-se que a mulher tinha morrido. Então, decidiu ir ao arquivo dos mortos. Para tal

a.    levou um mapa.

b.    tentou não fazer qualquer barulho.

c.    inventou uma desculpa para dar ao chefe.

d.    usou um cordel para não se perder.



14.  O Conservador decidiu fazer uma reunião geral para anunciar que

a.    o arquivo dos mortos ia deixar de estar separado do dos vivos.

b.    a Conservatória ia fechar dois dias para limpeza geral.

c.    iam fazer uma desinfestação de ratos no arquivo dos mortos.

d.    ia pedir para ser substituído em breve.



15.  O Sr. José foi ao cemitério perguntar pela mulher desconhecida e ficou a saber que o motivo da morte fora

a.    suicídio.

b.    um acidente de viação.

c.    ataque cardíaco.

d.    uma pneumonia.



16.  Quando chegou à sepultura, já era noite. Então, o Sr. José passou-a

a.    ao lado da campa.

b.    num anexo onde os funcionários do cemitério guardavam o material.

c.    no tronco de uma oliveira.

d.    sobre um banco.



17. Quando acordou, o Sr. José viu-se rodeado de

a.    vacas.

b.    ovelhas.

c.    cabras.

d.    galinhas.



18.  Ao visitar os pais da mulher, o protagonista descobriu que ela era

a.    advogada.

b.    médica.

c.    empregada de balcão.

d.    professora.



19.  A mãe da mulher do verbete entregou-lhe

a.    a chave do apartamento da filha.

b.    o diário da filha.

c.    um álbum de fotografias.

d.    uma carta escrita pela filha dirigida aos pais.



20.  O romance termina

a.    com  a morte do Sr. José.

b.    com o despedimento do protagonista.

c.    com a aliança entre o Sr. José e o Conservador.

d.    com a destruição do arquivo dos mortos.




BOM TRABALHO!!!

A PROFESSORA: Lucinda Cunha



Correção:

1-b; 2-a; 3-d; 4-c; 5-d;

6-c; 7-c; 8-d; 9-a; 10-b;

11-b; 12-c; 13-d; 14-a; 15-a;

16-c; 17-b; 18-d; 19-a; 20-c.

Sem comentários:

Enviar um comentário